Zox na Mídia

Criptomoeda

Qual criptomoeda vai valorizar em 2022?

Publicado

em

Encabeçado pelo Bitcoin, que valorizou cerca de 837% (em dólar) em um período de apenas 12 meses, o mercado das criptomoedas está se tornando cada vez mais popular em todo mundo. Por esse motivo, é cada vez mais comum que pessoas estejam tentando investir nesse ativo financeiro, mesmo que nunca tenham feito isso antes. Sendo assim, a tendência é que esses produtos passem a se valorizar em 2022.

Mas você sabe o porquê, como e em quais casos isso acontece? Neste artigo, iremos trazer algumas das principais projeções de valorização de criptomoedas para 2022 e diversas outras coisas sobre esse assunto. Sendo assim, se você tem interesse em saber mais sobre as tendências do mercado financeiro para apostar nas moedas com maior probabilidade de te darem retorno, abaixo, encontrará uma lista delas, confira!

Veja também:
Bitcoins e criptomoedas – Confira como investir
Cartão de crédito Credicard Nacional – Tire suas dúvidas
Descubra se investir em Bitcoin precisa de um valor mínimo

Por que as criptomoedas estão se valorizando?

Como dito anteriormente, a popularização de criptomoedas tem feito com que elas se tornem um ativo cada vez mais valioso e, sendo assim, é cada vez mais comum encontrar pessoas que investem dinheiro nisso. Mais do que investir com a compra, outra forma de negócio envolvendo criptomoedas que tornou-se comum são as transações comerciais e isso se deve ao fato de que é grande o número de estabelecimentos comerciais que têm passado a aceitar criptomoedas como forma de pagamento. 

Além disso, podemos citar outros fatores para a valorização de criptomoedas. Por exemplo, o fato de que as empresas estão investindo em tecnologia para tornar as transações mais fáceis, rápidas e seguras, o apoio de grandes investidores financeiros ao uso de criptomoedas, o que dá uma maior segurança e estabilidade dessa moeda, além de diversas outras coisas.

Bitcoin

Quando pensamos em criptomoedas e no mercado financeiro, a primeira coisa que vem à cabeça de muita gente é o tão famoso Bitcoin, uma das moedas digitais mais populares da atualidade. Prova disso é o fato de que muita gente, especialmente as pessoas que não são de dentro do meio financeiro, utilizam Bitcoin como uma metonímia, ou seja, um sinônimo para criptomoeda.

Nesse contexto, podemos dizer que o Bitcoin é um fenômeno. E isso se deve a diversos fatos, por exemplo, ao fato de que essa criptomoeda é a que mais se valorizou nos últimos anos, batendo valores maiores do que US$ 50 mil dólares por uma única unidade (um crescimento que corresponde a mais de 800%), ao fato de que ela é aceita como dinheiro em alguns estabelecimentos comerciais, entre outras coisas.

Por esse e por outros motivos, o bilionário Tim Draper prevê que até o fim do ano de 2022 essa moeda pode chegar ao valor de US$ 250 mil dólares, uma marca sem precedentes. No entanto, por mais que possa parecer que esse valor é apenas otimismo da parte dele, tendo em vista que o mercado financeiro está barrando o crescimento e pelo fato de que, para isso, ela tem que quintuplicar o seu valor, o investidor pode ter razão.

Isso porque não é a primeira vez que Tim Draper faz uma projeção generosa sobre a valorização do preço de Bitcoin e acerta. Mais especificamente no ano de 2017, Tim previu que essa moeda seria, em poucos anos, tão valiosa quanto é hoje e não surpreendentemente as expectativas do investidor foram atendidas. Sendo assim, vale a pena seguir os conselhos dele pois, aparentemente, ele entende e muito do assunto.

Ethereum (ETH)

Quando falamos em criptomoedas, a primeira coisa que vem na mente das pessoas é Bitcoin e a segunda coisa é a moeda Ethereum, o ativo financeiro que ocupa o segundo lugar entre as moedas digitais mais procuradas do mundo. Nesse contexto, mais especificamente a sua versão mais recente, a Ethereum 2.0, tem chamado bastante atenção de investidores e do mercado financeiro nos últimos anos.

Isso porque, como o próprio Hoskinson, CEO da empresa, declarou, as projeções da moeda são otimistas devido, entre outras coisas, ao fato de que a valorização desse dinheiro está pautada na fortuna e na reputação do fundador Vitalik Buterin, no avanço tecnológico que a versão 2.0 ofereceu. Sendo assim, tem estrategista declarando que, caso as projeções para essa moeda se concretizem (e não há muitos empecilhos para que isso aconteça), o Ethereum pode chegar a marca de US$ 100.000 mil dólares ainda no ano de 2021.

DhabiCoin (DBC)

A DhabiCoin é uma moeda menos famosa do que as outras citadas anteriormente. Além disso, ela é uma novata no mercado e só foi lançada recentemente, mais especificamente no ano de 2017. No entanto, apesar da pouca fama e do fato de que ela é um produto recente, os investidores e especialistas no assunto estão apostando nela como uma das criptomoedas que vão ter valorização no ano de 2022. E essa aposta pode ser explicada por diversos pontos de vista.

Em primeiro lugar, podemos falar sobre a receptividade positiva que a DhabiCoin teve ao entrar no mercado financeiro. Para se ter uma ideia, durante a pré-venda, que aconteceu recentemente, apenas no começo de 2021, a empresa liderou o comércio de criptomoedas em mais de 10 países. Além disso, ela já está pré-listada em diversas exchanges, o que comprova a tendência que essa moeda tem de valorizar.

Ademais, outro motivo pelo qual a DhabiCoin é considerada uma das promessas para o ano de 2022 é pelo fato de que ela é segura em diversos aspectos. Isso porque, segundo especialistas, no que diz respeito à segurança de preço, ela é um token listado como potencial, tendo em vista que tem mais estabilidade. Além disso, no que se refere a segurança de transações, a empresa oferece aos seus investidores um ambiente seguro e que preza pela transparência em todas as negociações feitas.

Por fim, podemos dizer que a empresa que lançou a DhabiCoin é uma das mais respeitadas no mercado financeiro atual. Sendo assim, se você está tentando inovar a sua carteira de investimentos, a DhabiCoin pode ser uma excelente opção, especialmente com as notícias de que o valor desse investimento tende a aumentar nos próximos meses.

Publicidade