Zox na Mídia

Notícias

O Auxílio Emergencial ainda está sendo pago – Veja quem recebe e como consultar!

Publicado

em

Mesmo que o Auxílio Emergencial criado em 2020 devido à pandemia de Covid-19 tenha terminado, alguns beneficiários ainda não receberam os seus pagamentos. Portanto, essas pessoas ainda poderão acessar esse valor em julho, e a conta acumulada pode somar até R$ 3.000,00 para cada pagamento.

Veja também:

Desconto na Conta de Luza – Veja quem pode e como solicitar (zoxnews.net)

Dinheiro esquecido do PIS PASEP – Confira quem pode sacar – Zox News

Dinheiro esquecido do PIS PASEP – Confira quem pode sacar – Zox News

Os solteiros recebiam R$ 600,00 e as mães chefes de família recebiam R$ 1.200,00 em pagamentos regulares do Auxílio Emergencial. Mais tarde, o Governo também liberou pagamentos para pais solteiros chefes de família. No entanto, alguns destes beneficiários ainda não receberam esses valores.

No ano de 2021, o Congresso Nacional derrubou o veto do presidente Jair Bolsonaro (PL) que proibia o pagamento de ajuda a homens solteiros, pais de família. Ao contrário das mulheres, porém, elas têm direito a receber R$ 600,00 em vez de R$ 1.200,00.

Quem não recebeu nenhum das parcelas pagas (que pode chegar a cinco) ainda tem o direito de sacar o Auxílio Emergencial este ano. A novidade é que o valor se acumula, chegando a 3 mil reais em alguns casos.

Quais pessoas podem receber o Auxílio Emergencial retroativo?

Para saber quais pessoas tem direito a receber o Auxílio Emergencial retroativo ou até mesmo se você tem direito, os seguintes requisitos devem ser analisados:

  • Ser chefe masculino de uma família monoparental;
  • Estar registrado no CadÚnico até 2 de abril de 2020;
  • Não ter cônjuge ou companheira;
  • Ter se cadastrado no Auxílio Emergencial por meio de plataforma digital até 2 de julho de 2020, prazo de inscrição para o programa;
  • Ter feito a inscrição como “Responsável Familiar”;
  • Recebeu uma cota simples de auxílio emergencial;
  • Há pessoas com menos de 18 anos na família.

Quais os valores pagos pelo Auxílio Emergencial retroativo?

A nova transferência de valores considerará apenas as cinco primeiras parcelas concedidas pelo programa entre abril de 2020 e agosto de 2020. Portanto, um pai solteiro, chefe de família, pode receber até R$ 3.000,00, dependendo do período em que começa a receber os benefícios. Então, para um melhor entendimento, veja como funciona abaixo:

  • O Valor de R$ 3.000,00 será pago para quem recebeu as 5 parcelas;
  • Para os beneficiários que receberão a partir de maio, recebe R$ 2.400,00;
  • O valor de R$ 1.800,00 é para as pessoas que receberam a partir de junho;
  • Para receber R$ 1.200,00 o beneficiário deve ter recebido a partir de julho;
  • Para quem recebeu só um mês, recebe o valor de R$ 600,00.

Como será feito o pagamento?

O pagamento será feito de forma automática para uma conta poupança criada em nome do titular o Auxílio, ou seja, para o Aplicativo Caixa Tem. No entanto, você pode acessar a sua conta informando o seu CPF, telefone e criando uma senha de acesso.

Contudo, vale destacar que após receber o valor, você pode transferi-lo para uma conta-corrente por exemplo, sua ou de outra pessoa, via Pix ou transferências convencionais. Além disso, ainda pode pagar boletos, compras online com o cartão virtual e muito mais, ou seja, você pode usar o seu dinheiro de diversas formas sem precisar sacar.

Como fazer a consulta do Auxílio Emergencial?

O site da Dataprev continua disponível para consultas do Auxílio Emergencial, mas agora pode ser acessado por meio de uma conta Gov.br. Atualmente, as parcelas retroativas estão sendo repassadas aos pais solteiros que são chefes de famílias monoparentais. Portanto, para fazer uma consulta, siga os passo abaixo:

  1. Em primeiro lugar, você deve preencher o campo corretamente com o seu CPF, nome completo. o nome da mãe completo (ou se for o caso marque a opção mâe desconhecida);
  2. Em seguida, insira também a sua data de nascimento;
  3. Por fim, selecione a caixa do reCAPTCHA para provar que não é um robô e clique em “ENVIAR”.

Além disso, para quem preferir outro meio de consulta, pode fazer este procedimento por telefone, através do número 111, da Caixa Econômica Federal.

Fontes: Notícias Concursos e fdr.

Publicidade