Zox na Mídia

Finanças

Novo valor de R$ 451 do Auxílio Brasil em maio; veja como calcular

Publicado

em

O Ministério da Cidadania começará a liberar o novo Auxílio Brasil na próxima quarta-feira (18 de maio) para mais de 18 milhões de brasileiros. No entanto, a folha de pagamento de maio vai ser depositada entre os dias 18 e 31/05. Em maio, o Auxílio Brasil voltará a receber a quantia de 400 reais por família.

Veja também:

Melhor cartão de crédito 2022; conheça as melhores opções – Zox News

Investir em franquia vale a pena? Confira como funciona e 3 pontos positivos – Zox News

Bitcoin em queda: Entenda o que está causando a desvalorização e seus impactos – Zox News

Isso pois! O benefício chegou a ser de R$ 451 por família com o aumento de uma parcela do vale gás nacional, no mês passado. Em abril, o auxílio para compra de gás foi pago a 5,39 milhões de famílias cadastrados no Auxílio Brasil. No entanto, surgiram dúvidas entre os beneficiários a respeito de até quando vai ser pago o Auxílio Brasil de 400 reais.

O valor da parcela com o adicional do Benefício Extraordinário primeiramente teria caráter temporário, com duração entre janeiro e dezembro de 2022. Então, a partir de janeiro de 2023, as famílias beneficiárias vão voltar a receber um valor médio em torno de R$ 224. Na semana passada, no Congresso Nacional foi aprovado a medida provisória nº 1.076/21 para tornar permanente o benefício de 400 reais para o programa social.

Portanto, o novo valor não vai ter mais prazo final para ser atribuído. Além disso, com esta decisão, o orçamento do Auxílio Brasil aumenta para cerca de 90 bilhões de reais, levando em conta o custo do valor básico (aproximadamente 41 bilhões de reais) e o gasto com o benefício Extraordinário (deve ser de 47,5 bilhões de reais). A MP ainda necessita receber a aprovação do presidente da República, Jair Bolsonaro.

O valor do Auxílio Brasil em maio como consultar?

O Ministério da Cidadania deverá emitir um comunicado à lista de beneficiários quanto antes para receber a parcela do benefício do mês de maio.

Mas, para saber se o Responsável Familiar (RF) foi aceito, você deve abrir a consulta por meio do CPF no app Auxílio Brasil.

Além disso, a ferramenta fornece informações a respeito da situação do benefício, o valor da parcela aceita do mês e data de depósito com base no calendário do programa.

As famílias registradas no Cadastro Único (CadÚnico) vão ter direito ao Auxílio Brasil em maio se sua renda per capita mensal não exceder 105 reais ou a renda familiar por pessoa estiver entre 105,01 reais e 210 reais.

Aliás, o governo federal faz um levantamento cadastral mensal para garantir que as famílias cadastradas ainda estejam em conformidade com as regras para receber o benefício. 

Dessa forma, a cada novo mês, a lista de beneficiários é atualizada para excluir as famílias reprovadas na análise e incluir novas famílias que foram aceitas para receber o Auxílio Brasil.

Veja o calendário do Auxílio Brasil de maio 2022:

A parcela de maio vai ser paga a partir de quarta-feira, dia 18, para os registrados com NIS final 1.

O cronograma seguirá até o último dia do mês, 31/05, quando o beneficiário receber com dígito final do Número de Inscrição Social 0.

Dessa forma, como nos meses anteriores, a parcela vai ser depositada na conta poupança digital no Caixa Tem, e o dinheiro está livre para saque no mesmo dia.

Pois, além dos saques em dinheiro, o benefício do Auxílio Brasil também poderá ser movimentado por meio do app para pagamento de contas, boletos, pagamentos via Pix, compras virtuais e transferências.

Assim, confira a tabela inteira do Auxílio Brasil em maio:

Final do NIS 118 de maio.
Final do NIS 219 de maio.
Final do NIS 320 de maio.
Final do NIS 423 de maio.
Final do NIS 524 de maio.
Final do NIS 625 de maio.
Final do NIS 726 de maio.
Final do NIS 827 de maio.
Final do NIS 930 de maio.
Final do NIS 031 de maio.

Quem vai ser contemplado?

As regras de permissão do projeto permanecem as mesmas. Assim, para obter este benefício, você deve:

  • Acompanhamento da saúde de mulheres de 14 a 44 anos;
  • As gestantes vão ter que comparecer ao pré-natal e participar de atividades educativas do Ministério da Saúde a respeito do aleitamento materno e alimentação saudável;
  • Crianças menores de 7 anos vão ter que estar com as vacinas em dia e vão ter que ir ao posto de saúde para fazer o acompanhamento e o monitoramento do crescimento;
  • Jovens dos 16 aos 17 anos, com frequência mínima de 75%;
  • Crianças e adolescentes com idade escolar (6 a 15 anos) vão ter que conter pelo menos 85% de frequência;
  • Estar com dados no CadÚnico atualizados há pelo menos 2 anos;
  • Estar registrado no CadÚnico;
  • Conter renda familiar per capita de até 89,00 reais ou conter renda familiar per capita não superior a 178,00 reais (para famílias com nutrizes, gestantes, crianças e/ou adolescentes menores de 17 anos).

Está bloqueado para crédito em conta meu Auxílio Brasil, e agora?

Caso o beneficiário encontre a mensagem “Benefício bloqueado para crédito do benefício em conta Auxílio Brasil” ao acessar o app do programa, não há necessidade de se preocupar.

Aliás, o aviso indica que o valor da parcela do benefício já foi depositado na conta poupança digital depois do fechamento da folha de pagamento e que o saque do Auxílio Brasil só vai ser liberado quando chegar a data marcada no calendário.

*Fontes: conteúdo retirado dos sites “fdr.com.br” e “acheconcursos.com.br”.

Publicidade